Pesquisar:

Notícia publicada em: 25/09/2018 às: 18:35:06
Por: Comunicação FATEB
Palestra sobre os rumos da produção científica marca o início da 13ª Semana Cultural e 2º Simpósio Fateb

Teve início nesta segunda-feira, 24 de setembro, a 13ª Semana Cultural e 2º Simpósio da Fateb (Faculdade de Ciências e Tecnologia de Birigui). A abertura oficial aconteceu no salão de festas Millenium, com a palestra “Desafios da produção científica na graduação no século XXI”, proferida pela Drª Selva Guimarães, de Uberlândia. O evento contou com a participação de alunos de todos os cursos da Fateb. Também marcaram presença o vereador, Cezar Pantaroto Junior, e os representantes do conselho curador da Fumdeb (Fundação Municipal de Ensino de Birigui): Sandro Augusto Teixeira de Mendonça e Celina Gonçalves de Melo.

 

A diretora da Fateb, Dra. Renata de Freitas Góis Comparoni deu as boas vindas aos participantes, enaltecendo que a 13ª Semana Cultural integra as comemorações dos 31 anos da Instituição. Ela apresentou o objetivo central do evento, que é debater a abrangência da atual política de Ciência e Tecnologia, pautada pelo Governo e Estados Brasileiros, de modo que o debate possa repercutir no cotidiano dos alunos e professores pesquisadores que se dedicam às pesquisas, com a intenção de superar o problema do tecnocentrismo em ciência. Na sequência, Selva deu início à palestra.

 

A palestrante apresentou os principais desafios referentes à prática da produção científica na contemporaneidade e trouxe perspectivas que podem ser adotadas pelos pesquisadores para a superação das realidades que os desafia. “É necessário, sobretudo, aprender a conhecer; aprender a conviver e aprender a ser”, disse.

 

Durante a palestra, Selva apresentou importantes informações sobre a prática da pesquisa científica em nosso país. De forma didática, demonstrou aos participantes alguns dos processos relacionados à construção do conhecimento científico, destacando que a prática da pesquisa requer reflexão sistemática e metódica, o que implica inserção nos debates contemporâneos. “É preciso dialogar com saberes múltiplos, em todas as áreas de atuação. O saber construído na faculdade só tem relevância quando consegue promove o diálogo com os saberes construídos na sociedade, em diferentes espaços”, explicou a palestrante.

 

Existem desafios a serem superados, conforme Selva salientou. No entanto, para ela, as principais ferramentas para esta superação estão nas mãos dos próprios universitários: determinação, foco, estudo, disciplina, rigor e formação permanente. “Vocês são os profissionais do século XXI e terão que enfrentar estes desafios na produção científica”, afirmou. A apresentação de Selva foi concluída com a leitura de um texto do escritor e jornalista e escritor uruguaio, Eduardo Galeano: “A função da Arte”.

 

A 13ª Semana Cultural continua até sexta-feira, 28 de setembro. A programação completa pode ser conferida no link: http://www.fateb.br/?p=nova_pagina_exibir&cod_nova_pagina=139